Holofote - Indiana Jones curitibano



Procurar tesouros, enfrentar bandidos, sentir na pele o medo. Dúvido que alguém nunca sonhou em ser aventureiro. Eu diariamente viajo em minha mente por lugares tenebrosos onde bichos estranhos assombram comunidades. Sempre com poderes extra-humanos, acabo com o inimigo e recebo as glórias de um vitorioso. Sonhos a parte, não é que aqui em Curitiba existe um cara, com seus quase 30 anos, que recebeu o espírito do Indiana jones e percorre os túneis da cidade. Sim, aqui há galerias subterrâneas cercadas de lendas e histórias emocionantes. Sobre este assunto Marcos Juliano Ofenbock, último entrevistado do Holofote, nos encheu de conteúdo.
Desde menino, a curiosidade esteve presente na vida de Juliano. Certo dia, já adulto, recebera um livro antigo, sobre lendas de túneis no mundo, de uma colega inglesa. Ao folhear as páginas, uma surpresa: Em Curitiba, segundo lendas, há túneis subterrâneos. Depois de ler o impresso, Marcos começou uma pesquisa a respeito do tema e comprovou que aqui, além do melhor prefeito do Brasil e de um sistema de transporte coletivo modelo, também existem caminhos abaixo do nível do solo.
Os túneis são pequenos, com mais ou menos 1,20 metros de altura e 60 centímetros de largura, ou seja, o caboclo que se aventura não pode ser claustrofóbico. Na primeira aventura de Marcos, o medo foi intenso. Aquele clima de filme de terror e o receio do desconhecido foram os sentimentos fincados no coração. Depois de várias entradas em lugares poucos explorados, o pavor deu lugar a pura paixão pelo "ofício audacioso". Nos caminhos, muitos livros e artefatos antigos foram encontrados.
Sobre a criação dos túneis, há muitas lendas. Em Curitiba, há diversas galerias, como na Sociedade Garibald e no Clube do Alemão. Numa deles, acho que o do Pilarzinho, segundo histórias antigas, um tesuro está enterrado. Um tal de pirata não sei do que o colocou lá. Marcos e sua equipe, munidos de equipamentos como detector de metais, sonham em encontrar o ouro.
Além de pesquisador, Marcos é empresario. Ele criou o único esporte legitimamente curitibano, o Footsack.

http://www.footsack.com.br/

Quem quiser assistir a entrevista completa com o gurizão, o programa será exibido na quarta-feira 15, às 21 horas, no canal 5 da NET e 72 da TVA.
Beijos me liga

2 Comments:

Christiano Kubis said...

Beijo te ligo hauhuahau

Adorei seu texto bem humorado... como sempre!
Marcos Juliano é o rei né... Poderia ser jornalista fácil... fala super bem, entrevista que rendeu...

E o túnel? e o túneu tchururu? E o túnel tchubaruba? uahuahuahua

Maria said...

DEFINITIVAMENTE... ELE É O REI...
D+...